Senador pede renúncia ou impeachment de Bolsonaro: “tentou ir para o tudo ou nada e sai com as mãos vazias”

Jean Paul Prates defende saída de Bolsonaro (Foto: reprodução/Blog do Barreto)

Ao comentar os atos em apoio ao presidente Jair Bolsonaro de ontem nas ruas, o senador Jean Paul Prates (PT) defendeu que só existem duas alternativas ao mandatário nacional: renúncia ou impeachment.

“Só restam duas alternativas para Bolsonaro depois do dia de hoje: renúncia ou impeachment! Como ele não é capaz deste gesto pela nação, cabe ao Congresso conduzir o processo de impeachment”, frisou.

Para ele, o evento de hoje simboliza uma derrota para o presidente. “Nem morto, nem preso… derrotado ! Bolsonaro não precisa das urnas para ir de encontro ao seu destino mais. Tentou ir para o tudo ou nada e sai com as mãos vazias”, acrescentou.

O petista disse que Bolsonaro não consegue dialogar fora de sua bolha de apoiadores. “Os mostram que o presidente só consegue dialogar com a sua claque e não é isso que se espera de alguém que deva liderar o país. Bolsonaro, definitivamente perdeu as condições de governar e recuperar a economia e o país”, avaliou.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter