Tentativa de formar grupo de empresários para disputas políticas em Mossoró é coisa antiga

O ano é 1983. O jornalista Canindé Queiroz registra na coluna “Penso, logo…” na saudosa Gazeta do Oeste que o empresário Dehuel Viera Diniz organiza a partir da Associação Comercial e Industrial de Mossoró (ACIM) um projeto político da classe empresarial.

O grupo estava se formando em Mossoró, mas tinha olhos voltados também para capital.

A iniciativa caiu no esquecimento histórico. A encontrei e trouxe como curiosidade em minhas pesquisas para dissertação de mestrado.

Dehuel dá nome a Avenida que se inicia na “rótula do Thermas” e termina na saída para Fortaleza e Tibau que o povo costumeiramente chama de “BR”.

O desafio para Sebastião Couto e Jorge do Rosário é mostrar que a iniciativa deles não será apenas um rodapé na história de Mossoró.

Compartilhe:

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *