Vivaldo Costa volta a criticar CPI da covid. José Dias defende importância da comissão

Vivaldo e José Dias apresentam visões diferentes sobre CPI (Fotomontagem: Blog do Barreto)

O deputado estadual Vivaldo Costa (PSD) voltou a fazer apelo para que não seja instalada a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) d covid-19 na Assembleia Legislativa.

“É hora de união, de trégua. Agora infelizmente alguns dos colegas insistem em radicalizar e extremar, puxar a corda. Mas isso não é o pensamento da população. Todos querem soluções para a COVID-19, e em segundo lugar a seca. É hora de pensar em como atender as demandas do povo trabalhador. A população do RN não espera que a Casa do Povo entre pelo caminho do ódio, intolerância, crítica, politicagem barata. Não é isso que o povo precisa. É hora de se adiar essa CPI. O papel da oposição é esse, mas a hora é inadequada”, frisou.

Por outro lado o deputado José Dias (PSDB) argumentou ser necessária a realização da CPI para esclarecer dúvidas sobre a aplicação dos recursos recebidos. “Nunca houve antes na história do Rio Grande do Norte uma transferência de recursos tão massiva quanto a feita ano passado pelo Governo Federal para o RN e outros estados, e isso obriga uma celeridade na criação dessa CPI, pois enquanto o povo passava dificuldades por aqui, o Governo Estadual saldou débitos que julgou prioritários em detrimento das necessidades da pandemia”, analisou.

Por outro lado, o oposicionista ponderou que não tem como apontar irregularidades no momento. “Não posso afirmar que houve irregularidades, mas cabe a nós deputados fiscalizar essas ações e mostrarmos o grau de civilidade que é obrigatório. Portanto, espero que seja rapidamente resolvido esse impasse para que a CPI seja instalada e para que o povo saiba que não estamos nos omitindo”, disse.

Comments

comments

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter