Caicó descobre uma nova espécie da fauna política do RN: o plagiador de discursos

BATATA-MENSAGEM-696x464

A fauna política Rio Grande do Norte é pródiga espécies raras e outras nem tão incomuns. Temos o deputado PG (Partido do Governo), a bancada da Assembleia Legislativa, o ladrão, o que rouba e deixa roubar, o preguiçoso, que não sabe de nada, o carola “namorador” e agora o plagiador de discursos.

Coube ao prefeito de Caicó, Batata, ser a primeira descoberta dessa espécie rara. Na leitura da mensagem anual ele plagiou o discurso feito em 2015 pelo prefeito de Salvador ACM Neto.

O plágio passaria despercebido se não fosse a bobeira comum aos preguiços: “cozinhar” o texto alheio sem atenção.

O discurso impresso entregue aos presentes começava com um inconfundível “Prezadas amigas e amigos soteropolitanos”.

Vergonha alheia!

Compartilhe:

RN está entre os “meninos traquinos” e o “palanque da maldade”

Sem dizer nomes aos bois o deputado estadual Raimundo Fernandes (PSDB) falou que o Rio Grande do Norte tem um “bocado de menino traquino” cuidando do dinheiro do Estado.

De passagem propositalmente despercebida por Mossoró, Robinson Faria foi encontrado pela TCM. Na entrevista ele falou que existe um “palanque da maldade” impedindo a ajuda do Governo Federal ao Rio Grande do Norte.

Ele não deu nome aos bois, como fez Raimundo Fernandes.

Conclusão: a disputa no Rio Grande do Norte está entre “os meninos traquinhos” x “palanque da maldade”.

Compartilhe:

Senadores estão acuados por boato

garibaldi-e-agripino

Um “boato” pode ter ou não ter fundamento, mas na política os fatos não controlam as versões. José Agripino (DEM) e Garibaldi Filho (PMDB) sabem muito bem disso, mas terminaram acuados pela informação de que estariam trabalhando contra o aporte financeiro que vai permitir a reorganização da folha de pagamento do Estado.

A informação carece de segurança por não ter provas, mas quem conhece a política potiguar sabe que por aqui gasta-se mil para o adversário não ganhar quinhentos.

Fragilizados, com baixíssimas intenções de votos nas pesquisas, Garibaldi e Agripino correram para mostrar notas tímidas que nada acrescentaram ao sofrimento do servidor público estadual.

Se não há provas de que estão atrapalhando, as notas comprovam que seguem pouco dispostos a deixarem o muro da omissão.

 

 

Compartilhe:

Atraso salarial não está entre os maiores problemas do governo para o eleitor potiguar

Confronto com servidores é o pior caminho para Robinson (foto: Mídia Ninja)
Foto: Mídia Ninja

Um dos temas mais recorrentes quando o assunto é o governo Robinson Faria (PSD) é o atraso salarial do funcionalismo estadual. Mas para o eleitor potiguar esse não é um tema primordial.

Esse é o maior problema do Governo do Estado para apenas 0.8% dos entrevistados na pesquisa da Consult encomendada pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN). Esse item passou despercebido na maioria dos veículos que abordaram o assunto.

Logicamente a sobrevivência é o que mais preocupa o cidadão potiguar. Daí a segurança é o tema que mais preocupa 39.8% dos entrevistados e a saúde para 20.5%. Primeiro não morrer e bem depois a preocupação com os menos de 3% dos habitantes do sofrido elefante que trabalho no serviço público estadual.

Mas os políticos não se iludam. Atrasar salário pega muito mal com o eleitorado como um todo. Por outro lado, há uma brecha no debate eleitoral do próximo ano para o prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT) que, como o governador Robinson Faria, atrasa salários. Basta desviar o assunto para segurança, por exemplo.

Abaixo o resultado da pesquisa.

MAIORES PROBLEMAS DO RN

SEGURANÇA/VIOLÊNCIA/FALTA POLICIAMENTO: 39.8%

SAÚDE/GREVE NA SAÚDE/FALTAM REMÉDIOS e MÉDICOS: 20.5%

AGUA: 10.8%

DESEMPREGO: 8.4%

SANEAMENTO BASICO/ESGOTO: 1.8%

EDUCAÇÃO/ESCOLAS: 1.7%

SALARIO ATRASADO: 0.8%

CALCAMENTO/PAVIMENTAÇÃO: 0.7%

CRISE FINANCEIRA: 0.6%

POLÍTICOS CORRUPTOS/CORRUPÇÃO: 0.5%

 

Compartilhe:

FGTS dos servidores municipais finalmente vai ser pago, mas com dose de ironia

Audiência

Hoje o bom senso fez as pazes em Mossoró numa audiência na Justiça do Trabalho capitaneada pelo juiz Vladimir Paes de Castro quando a Prefeitura de Mossoró e o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINDSERPUM) se entenderam e será assinado um Termo de Acordo de Pagamento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

A previsão é de que os pagamentos sejam feitos a partir do segundo semestre de 2018. Serão beneficiados servidores que trabalharam na Prefeitura de Mossoró entre 1977 e 1991.

O irônico nisso tudo é que essa queda de braço começou em 1991 quando Rosalba Ciarlini exercia seu primeiro mandato de prefeita. A via crucis jurídica começou em 2003 quando a “Rosa de Mossoró” já estava no terceiro mandato.

Passaram pelo Palácio da Resistência Fafá Rosado (2005/2013), Cláudia Regina (2013) e Francisco José Junior (2013/2017). Rosalba foi eleita senadora e governadora, ficou sem mandato e se tornou prefeita pela quarta vez.

No fim será sob os auspícios dela que a conta finalmente será paga.

É muita ironia!

Para saber mais clique AQUI

Compartilhe:

Candidatura de Cláudio Santos ao Governo é uma realidade

Cláudio-Santos

 

 

Ao menos para o desembargador Cláudio Santos o projeto de disputar o Governo do Estado é uma realidade. O projeto está definido e a candidatura deverá ser lançada em fevereiro. A decisão foi tomada na segunda-feira, de acordo com o magistrado.

Em conversa com o Blog do Barreto Cláudio Santos declarou que não vai definir um partido até se aposentar. A escolha da agremiação será em março.

Até o tema da campanha está definido: “Quem for comigo nem vai atrás ou na frente, vai ao lado”.

Cláudio Santos não tem espaço nos grupos tradicionais que já definiram o nome do prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) nem junto ao governador Robinson Faria (PSD) muito menos com a esquerda que deverá lançar a senadora Fátima Bezerra (PT) para o Governo do Estado.

Com um discurso liberal, ele pode ser o nome do grupo empresarial que estuda o lançamento de uma candidatura. O problema, para Cláudio, é o flerte deste mesmo agrupamento com a turma da política tradicional.

 

Compartilhe:

Degradação humana diária na Leste Oeste

craque1
 
Estou profundamente incomodado com algumas cenas de degradação humana que vejo diariamente no semáforo da Avenida Leste/Oeste. São seres humanos destruídos pelas drogas mendigando para manter o vício.
 
O insensível dirá: “pelo menos não estão roubando”.
 
O problema é muito mais sério do que o celular tomado pela violência. São vidas sendo destruídas pela maldição do crack. O poder público ignora olimpicamente a situação de risco desses jovens que perambulam naquela área principalmente pelas madrugadas.
 
Droga é problema de saúde pública e é a provocadora de boa parte da violência que nos assola.
 
Uma tristeza!
Compartilhe:

Governo se cala e não reage após noite violenta em Mossoró

homicidio-280615

Mossoró teve uma noite de terror ontem. O saldo foi de dois mortos, 8 feridos e 28 assaltos. Até mesmo um delegado, Rafael Câmara, foi vítima dos meliantes tendo sua arma roubada.

O caso era para uma manifestação pública do Governo do Estado seguido de um reforço policial durante todo o dia de hoje. Mas o que tivemos? Silêncio. É como se a vida por essas bandas.

Em qualquer lugar do mundo após uma noite como a de ontem a resposta seria imediata. Se o Governo não se manifesta, a população se conforma. Não há qualquer movimento na cidade no sentido de cobrar uma ação do Estado.

A bandidagem sente-se liberada para praticar os crimes que desejar na noite desta sexta-feira

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe:

Comando da educação estadual em Mossoró vira casa da sogra, literalmente

 

Sai sogra de político, entra sogra de político. Assim se deu a sucessão de comando da 12ª Diretoria Regional de Educação e Cultura (DIREC), responsável pela área de Mossoró e região.

O cargo vinha sendo comandado por Rina Márcia Ciarlini, sogra do ex-prefeito Francisco José Junior (PSD). Como ele não é mais aliado do governador ela perdeu o cargo. No lugar dela entra a sogra do ex-presidente da Câmara Municipal Jório Nogueira (PSD), Maria Consuelo de Almeida Costa.

De sogra em sogra o país de Mossoró vai se tornando a “cidade-estado” da piada pronta.

Compartilhe:

Ao denunciar corrupção na gestão de Rosalba, primeira dama consolida afastamento de governador e prefeita

WhatsApp Image 2017-04-17 at 14.22.09

Não tem para onde fugir. A primeira dama e secretária estadual de trabalho, habitação e ação social Julianne Faria escancarou o afastamento político entre o governador Robinson Faria (PSD) e a prefeita Rosalba Ciarlini (PP).

A intenção era mostrar que o marido é um homem rico que não precisa se sujar por causa de R$ 100 mil, mas pelo visto a primeira dama falou demais. Intencional ou não ela declarou que ao assumir o cargo (no primeiro dia do governo Robinson) ela encontrou corrupção. “Ao assumir minha pasta peguei uma secretaria repleta dos mais variados aos quais o MP e o RN tem conhecimento de alguns!”, disparou.

A colocação é o registro de nascimento de mais um distanciamento entre Robinson e um prefeito de Mossoró. Há sete meses, a primeira dama deu a resposta em nome do marido que consolidou e tornou público o rompimento com o então prefeito Francisco José Junior.

Agora ela repete a dose.

Sobre as denúncias de corrupção, que Julianne Faria não detalhou, seria importante ela explicar melhor pelo bem da transparência que ela diz marcar a gestão dela e do marido.

À prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini resta encarar mais uma crise que abala a imagem dela. Isto uma semana depois das delações da Odebrecht.

Compartilhe: