Categorias
Sem categoria

Estudo da UERN mostra retorno de R$ 11 para cada R$ 1 investido no Mossoró Cidade Junina

O papel da Uern como instrumento de apoio ao desenvolvimento de Mossoró e do Rio Grande do Norte foi um dos pontos mais abordados durante a apresentação da pesquisa “Impactos socioeconômicos do Mossoró Cidade Junina (MCJ)”, exibida na manhã desta terça-feira (9), na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Mossoró.

Promovido pela Faculdade de Ciências Econômicas (Facem), em parceria com a CDL, o estudo realizou uma série de entrevistas com visitantes, ambulantes e outros profissionais envolvidos com o evento para obter dados relacionados ao impacto econômico do MCJ e à impressão do público sobre pontos como segurança, infraestrutura e organização.

Durante a apresentação do relatório, o presidente da CDL Mossoró, Stênio Max, ressaltou a importância das parcerias firmadas entre as esferas pública e privada, visando ao avanço social e econômico das cidades, e apontou a Uern como uma das principais entidades capazes de promover esse processo no município.

“A pesquisa é um dos frutos dessa parceria que a gente sabe que dá certo. E a gente vê o quanto a Uern avançou nos últimos anos e está ainda mais qualificada para isso”, frisou o presidente da CDL, citando o contrato firmado entre a Câmara e a empresa Júnior Lastro, formada por alunos da Facem, como mais um exemplo positivo da relação entre a academia e a iniciativa privada.

“É uma grande satisfação pra gente disponibilizar a nossa expertise. A Uern acredita nesse estado e acredita que todo o motor de transformação e de desenvolvimento econômico se dá através das parcerias”, corroborou a reitora da Uern, professora Cicília Maia, que destacou a relevância dos eventos acadêmicos e científicos para as cidades onde estão localizados os campi da Universidade.

Por sua vez, o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, ressaltou que o estudo será fundamental para a avaliação da última edição do MCJ e para o planejamento dos próximos eventos.

“Ficamos muito felizes por esse trabalho, tendo a Uern como parceira e protagonista desse processo. Isso é a universidade sendo muito bem utilizada, como ela é bem utilizada no dia a dia, pelos nossos estudantes e pela comunidade”, pontuou o prefeito.

A apresentação da pesquisa foi feita pelo professor Leovigildo Cavalcanti, da Facem, que destacou os principais dados obtidos através do levantamento.

Durante a apresentação, também foi entregue o relatório produzido pelos alunos bolsistas sobre a participação na pesquisa. Ao todo, 22 estudantes da Uern participaram do levantamento.

Principais dados

De acordo com a pesquisa, 788 mil pessoas visitaram o MCJ neste ano, representando um aumento aproximado de 10% em relação ao público presente em 2017, quando foi realizado o último estudo do tipo pela Uern.

A estimativa é que os gastos do público com o evento, neste ano, tenham somado R$ 115,6 milhões, o que corresponde a R$ 146 reais gastos por participante, em média.

Para cada real investido pela Prefeitura no evento, conforme a pesquisa, houve um retorno de aproximadamente 11 reais movimentados nos setores hoteleiro, de bares e restaurantes, ambulantes e permissionários e pelas quadrilhas, além dos gastos efetuados pelos turistas e moradores locais.

O estudo também levantou dados relacionados ao perfil dos visitantes, a exemplo da renda, local de origem e faixa etária. Também foi medido o grau de satisfação dos visitantes com o evento e a probabilidade de que eles voltem na próxima edição.

A pesquisa apontou ainda que o MCJ foi responsável por gerar em torno de 6.100 empregos diretos e indiretos.

“Os dados apontados pelo estudo indicam um recado de que o Mossoró Cidade Junina não representa um gasto, mas um investimento a ser tratado como um bem social e um bem econômico ao município”, salientou o professor Leovigildo Cavalcanti.

Leia o estudo na íntegra AQUI.

Fonte: Agecom/UERN

 

Categorias
Matéria

MP arquiva denúncia contra Allyson

Blog Carlos Santos

A titular da 19ª Promotoria de Justiça da Defesa do Patrimônio Público e Tutela de Fundações da Comarca de Mossoró, Patrícia Antunes Martins, determinou arquivamento de procedimento protocolado sob o número 02.23.2039.0000030/2022-44.

A demanda foi provocada (número 2837968) por todos os dez vereadores da oposição contra o prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade)

Os parlamentares agiram em ainda durante o Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2022.

Na representação, eles formularam denúncia com vários pedidos, como de proibição do executivo ter seu nome citado na festa, mesmo sob organização da municipalidade.Expectativa era de desencadear uma Ação Civil Pública (ACP) da promotoria, capaz de emparedá-lo por improbidade administrativa e outros atos lesivos à coisa pública.

Agradecimento

Na apreciação da promotora, ela lembrou que recomendação emitida à ocasião, plenamente seguida pelo gestor e prefeitura, deixou evidente não ter ocorrido “irregularidade que enseje a adoção de outras medidas além das já adotadas”.

Enfim, “não há justa causa” para ajuizar ACP. Allyson falou em algumas ocasiões da festa em agradecimento aos artistas locais e de fora, exaltação ao trabalho de seguranças, saúde e outros servidores públicos, além de agradecer visitantes.

Os autores da representação contra o prefeito foram os vereadores Cabo Tony Fernandes (Solidariedade), Carmem Júlia Montenegro (MDB), Larissa Rosado (PSDB), Marleide Cunha (PT), Pablo Aires (PSB), Francisco Carlos (Avante), Isaac da Casca (MDB), Lamarque Oliveira (PSC), Paulo Igo (Solidariedade) e Omar Nogueira (Patriotas).

Categorias
Matéria

Pesquisa mostra que um terço dos mossoroenses estiveram no MCJ e avaliação positiva é de 85%

A pesquisa TS2 divulgada pela TCM Telecom indicou que 33% dos entrevistados estiveram no Mossoró Cidade Junina deste ano e entre este terço que se fez presente a avaliação ótimo/bom somou (47+38) 85%.

Confira os números:

Participação no Cidade Junina

41% não participou nem acompanhou pela imprensa;

25% acompanhou pela imprensa;

33% esteve no Cidade Junina.

Também foi questionado a avaliação de quem viu pela imprensa:

47% ótimo;

38% bom;

9% regular;

3% péssimo;

3% ruim;

1% não souberam ou não responderam.

Organização do MCJ

56% ótima;

38% boa;

3% regular;

2% Não souberam ou não responderam;

1% ruim.

Segurança do MCJ

54% ótima;

38% boa;

5% regular;

2% Não souberam ou não responderam;

0% ruim.

Atrações do MCJ

42% ótimas;

44% boas;

10% regulares;

3% Não souberam ou não responderam;

1% ruins.

Avaliação Pingo da Mei Dia

43% ótimo;

28% bom;

21% não estiveram presentes

7% regular

1% Não souberam ou não responderam;

1% ruim.

A pesquisa TS2/TCM ouviu 781 eleitores em Mossoró nos dias 1º e 3 de julho. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos com intervalo de confiança de 95%. A coleta de dados foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo RN-09166/2022 e BR-02716/2022.

Categorias
Matéria

MP investiga promoção pessoal de Allyson durante o Mossoró Cidade Junina

Blog do Dina

A notícia de que o Ministério Público recomendou ao prefeito Alysson Bezerra que se abstivesse de se promover nos shows do Mossoró Cidade Junina não parou na recomendação.

A 19ª Promotoria instaurou procedimento que visa diretamente Alysson Bezerra. O objeto da investigação é “Apurar suposta prática de improbidade administrativa em atos de promoção pessoal do prefeito Allyson Bezerra no Mossoró Cidade Junina 2022”.

Gozando de popularidade alta na cidade de que é gestor, o prefeito de Mossoró inicialmente atendeu à recomendação e se absteve de fazer discursos nos intervalos dos shows.

Mas agora o MP vai saber se até onde ele foi configura crime de promoção pessoal a partir da coisa pública.

Categorias
Matéria

Comitiva da Prefeitura de Mossoró vai conhecer festas juninas de Campina Grande e Caruaru

O Mossoró Cidade Junina 2022 ainda não acabou. Mesmo assim, a Prefeitura Municipal de Mossoró já trabalha para o evento ser ainda maior e melhor no ano de 2023. Delegação comandada pelo prefeito Allyson Bezerra vai conhecer outras experiências de festas juninas em Caruaru/PE e Campina Grande/PB.

A visita técnica do prefeito será ao lado de secretários municipais que atuam diretamente na organização do evento como a Cultura, Infraestrutura e Segurança.

O objetivo é que a comitiva da Prefeitura de Mossoró conheça a estrutura, logística e organização das festas juninas dessas duas cidades. Elas têm eventos bem mais antigos do que o MCJ.

De acordo com o secretário municipal de Cultura Etevaldo Almeida, a ideia é “conhecer de perto os eventos que são destaque do gênero e trazer para Mossoró modelos de infraestrutura e organização, com o propósito de fortalecer ainda mais o Mossoró Cidade Junina, que é uma política de valorização da cultura na gestão municipal”.

Fonte: Secom/PMM

Categorias
Matéria

MP recomenda que Allyson se abstenha de fazer discursos nos shows do Mossoró Cidade Junina

Blog Carol Ribeiro

O Ministério Público do Rio Grande do Norte recomendou que o prefeito Allyson Bezerra se abstenha de discursar durante os shows ou nos intervalos das apresentações musicais do Mossoró Cidade Junina 2022, que vão acontecer nas datas dos dias 23, 24 e 25 de junho, em qualquer palco e/ou polo. Ele deve fazer isso somente se estiver cumprindo, nestas ocasiões, imprescindível papel institucional, como, por exemplo, no encerramento oficial do último dia do evento Mossoró Cidade Junina.

A recomendação foi assinada pela promotora Patrícia Antunes Martins, da 19ª Promotoria de Justiça.

Segundo o documento, o prefeito tem se utilizado do Mossoró Cidade Junina, durante shows de bandas de renome nacionais, custeadas com recursos públicos, para um público estimado em centenas de milhares de pessoas das mais diversas regiões do Rio Grande do Norte e de estados vizinhos, para subir ao palco principal do evento e discursar, ou, “até mesmo cantar, como se atração fosse”

A promotora relata que os efusivos agradecimentos e elogios à pessoa do gestor pelos artistas, “certamente” induz a promoção pessoal dele.

E que a Constituição da República, em seu artigo 37, impõe à administração pública, em todos os níveis, a observância do princípio da impessoalidade. Norma que também é prevista pela Lei Orgânica do Município de Mossoró.

Neste sentido, o Estado, seus bens e recursos não podem e não devem estar ao serviço dos interesses exclusivamente individuais de quem quer que seja, muito menos dos agentes públicos, já que o evento em si não é uma peça publicitária e as reiteradas menções e as excessivas e super destacadas aparições, segundo o texto, apontam para possível utilização de autopromoção pessoal, com vistas a angariar o capital politico decorrente da realização de um evento que pertence à cultura mossoroense e não ao gestor público.

A promotora destaca que isto pode configurar crime de improbidade administrativa e de responsabilidade.

Outro lado

Por meio de nota o prefeito alegou ter se limitado a pedir paz e tranquilidade. Confira a manifestação:

NOTA

A assessoria do prefeito Allyson Bezerra esclarece que as vezes que o prefeito fez alguma fala no palco da Estação das Artes foi com a gentileza de atender ao convite dos cantores que estavam se apresentando e em todas as ocasiões se limitou a pedir paz e tranquilidade a todos os presentes, parabenizar e prestigiar os cantores da terra e agradecer a todos que estão trabalhando no Mossoró Cidade Junina 2022.

Logo, as falas sempre foram pautadas na institucionalidade do cargo público. A presença do gestor diariamente em todos os polos visitando os servidores e em diálogo com os cidadãos têm sido focada na organização, responsabilidade e segurança do evento.

Importante destacar ainda que o MCJ 2022 já é reconhecido pela população como o mais organizado e seguro de todas as edições, além de sempre estar sendo conduzido com zelo, transparência e legalidade dos atos. Assim como é procedimento do prefeito profundo apreço às instituições do poder público, mais uma vez reitera respeito pelo Ministério Público e seus membros.

Mossoró-RN, 23 de junho de 2022

Assessoria de Comunicação Prefeito Allyson Bezerra

Categorias
Matéria

Natália transfere gabinete para Mossoró

O Mossoró Cidade Junina está se encerrando, e para prestigiar mais uma vez o evento a deputada federal Natália Bonavides (PT/RN) vai transferir o gabinete para a cidade. Entre os dias 21 e 25 de junho, a parlamentar e sua equipe estarão em atividades oficiais em Mossoró, Apodi e municípios do Vale do Açu.

Reunião com trabalhadores e trabalhadoras da assistência, da educação, dos correios, visita às universidades, encontros com populares na estação das artes, reunião com o MST, visita aos eventos juninos em Mossoró e Assú, e muito mais.

“Passar esses dias em Mossoró e na região será muito bom, principalmente durante o encerramento dessas festas lindas. Nosso mandato está em diálogo constante com a população, com sindicatos, movimentos sociais e outros mandatos petistas para escutar as necessidades dos municípios, pois política se faz olho no olho do povo”, pontuou Bonavides.

Emendas parlamentares  

O mandato de Bonavides já destinou mais de R$ 4,8 milhões por meio de emendas parlamentares para áreas importantes de Mossoró, beneficiando o Hospital Tarcísio Maia e as Unidades Básicas de Saúde, a saúde da população LGBT+ com recursos para o ambulatório LGBTT+ da UERN; na educação destinou emendas para UERN, UFERSA e escolas estaduais; todos os 14 CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) receberão recursos para compra de equipamentos; e na Segurança Pública, destinou emenda para equipar a Delegacia da Mulher.

A região Oeste foi beneficiada com mais de R$ 10 milhões em recursos para atender áreas diversas. Assim como a região do Vale do Açu, que teve mais de R$ 2,4 milhões em emendas para agricultura familiar, pesca, saúde, educação e segurança.

Categorias
Matéria

Estação das Artes terá palco com iluminação de LED

As estruturas do palco do Polo Estação das Artes ganham forma com modelo que traz a personalização da atualidade, com estruturas em LED e geometrias referenciando um contexto inovador  e tecnológico. O layout foi idealizado para trabalhar de acordo com as apresentações, com painéis de LED que modelam um cenário integrado com as atrações.

Titular da Secretaria de Cultura, Etevaldo Almeida evidencia que o ‘Mossoró Cidade Junina’ 2022 está sendo executado de forma organizada, seguindo todo planejamento para o sucesso da festa. O secretário dá ênfase que o projeto manteve a identidade da festa, adicionando as tradicionais bandeirinhas juninas, cores e formas geométricas que revelam e somam as características do São João.

“A Estação das Artes terá pela primeira vez um grandioso e moderno palco com cenografia de elementos juninos e painéis de LED, que é um marco na história do “Mossoró Cidade Junina”. Uma estrutura de grandes festivais para a população mossoroense e turistas que virão para nossa cidade. Nossos artistas da terra terão oportunidade de se apresentar no mesmo palco e estrutura dos artistas nacionais”, destacou o secretário de Cultura, Etevaldo Almeida.

As apresentações na antiga estação ferroviária do município iniciam pontualmente às 20h desta quinta-feira (9). A animação está garantida com a presença de grandes artistas locais e nacionais: Wesley Safadão, Cavaleiros do Forró e João Neto Pegadão.

Fonte: Secom/PMM

Categorias
Matéria

Acordo entre Prefeitura e MP garante shows de Safadão e Xand

A Prefeitura de Mossoró e o Ministério Público firmaram acordo que garantiu a realização dos shows de Wesley Safadão e de Xand Avião a partir do comprometimento do executivo municipal em realizar em 2023 concurso para vagas na educação especial.

“Chegamos a um texto bom que garante os professores para as pessoas com necessidades especiais. Um acordo possível de ser cumprido, que cabe no orçamento e respeita a autonomia dos municípios”, disse o procurador do município Raul Santos em entrevista ao Foro de Moscow.

Raul informou que além desse concurso, outros quatro serão realizados em 2023. “Vamos ter pelo menos cinco concursos no Município. Saúde, auditoria, procuradoria, concursos de nível média e o da educação que já estava no planejamento. Nesse concurso vamos incluir o da educação especial”, frisou.

Ele disse ainda que a Prefeitura de Mossoró se comprometeu em dotar as escolas de infraestrutura para a educação especial. “Muita coisa estava no nosso planejamento e isso tornou mais fácil chegar a um acordo”, concluiu.

Assim está garantido o show de Safadão amanhã e o de Xand no dia 16.

Categorias
Matéria

Pingo da Mei Dia abre o Mossoró Cidade Junina às 12h

O São João mais cultural do mundo começa oficialmente neste sábado (4), pontualmente às 12h, com o tradicional “Pingo da Mei Dia”, que promete levar uma multidão à avenida Rio Branco. O Mossoró Cidade Junina 2022 será aberto pelo prefeito Allyson Bezerra. Após a solenidade, o chefe do Executivo local concede entrevista coletiva à imprensa no Memorial da Resistência.

A concentração das autoridades, secretários municipais, vereadores, jornalistas e convidados acontecerá também no Memorial, a partir das 11h. Concluído o cerimonial de abertura, a primeira atração do “Pingo”, a cantora local Carol Melo, sobe ao trio para iniciar a extensa programação musical deste sábado (4).

Em seguida, às 12h30, tem início o show da dupla Beth e Jamir. O artista Darlan Dias sobe ao trio às 13h, animando ainda mais o Corredor Cultural. Seguindo o cronograma, às 14h, o cantor Júnior Viana movimenta a multidão. Às 15h, a alegria é garantida por Giannini Alencar.

O baiano Bell Marques, assim como o cantor Nilson Viana, sobem ao trio às 16h. Logo após, tem o artista Mozão às 18h. O “Pingo” segue com Nataly Vox cantando sucessos do São João às 18h30. O cantor Núzio Medeiros será a penúltima atração do evento, subindo ao trio às 19h30. Fechando a agenda de shows do maior bloco junino do país, Kiko Chicabana inicia sua apresentação às 20h30, seguindo até as 22h.

Segurança

Para garantir a tranquilidade dos mossoroenses e turistas que irão curtir o “Pingo da Mei Dia”, mais de 750 agentes da segurança pública do Estado e do Município estarão presentes no evento neste sábado (4). A Prefeitura também definiu oito entradas para a área da festa, na intenção de impossibilitar a entrada de armas e materiais ilícitos.

O forte esquema de segurança contará ainda com o uso de tecnologia avançada, com oito câmeras de identificação facial espalhadas pelo Corredor Cultural. De acordo com a Secretaria Municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito (SESDEM), a entrada de cooler, assim como bebidas em garrafas de vidro, será liberada.

Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também estará presente no “Pingo”, com uma Unidade Temporária para Pronto Atendimento na Praça de Eventos, equipamento localizado no Corredor Cultural.  A secretária Morgana Dantas informa que a estrutura realizará diversos procedimentos.

“Nós poderemos fazer nessa unidade suturas, atendimentos a pacientes graves, como parada cardiorrespiratória, atendimento a vítimas de acidentes, de violência até que a gente faça a transferência caso seja necessário para uma unidade hospitalar”, disse.

A titular da SMS destaca ainda que a unidade contará com uma equipe médica formada por médico, enfermeiro e técnico de enfermagem. “Todos esses profissionais estarão preparados para realizar esses atendimentos na unidade. Vamos ter também duas do Samu e outras duas do Corpo de Bombeiros, totalizando quatro ambulâncias preparadas para fazer o socorro rápido, como também dezenas de bombeiros estarão percorrendo todo o percurso”, concluiu.

Fonte: Secom/PMM