Categorias
Matéria

Ezequiel cobra solução para crise de abastecimento de água Macau e Guamaré

Os municípios de Macau e Guamaré, região Salineira do Rio Grande do Norte, vem sofrendo há anos com a dificuldade no abastecimento de água. Esta semana, a Companhia de Águas e Esgotos do Estado (Caern) anunciou a necessidade de prorrogar o serviço de manutenção no sistema das duas cidades. Com isso, a previsão é de mais um final de semana sem água nas torneiras para a população local. O fato levou o deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa, a requisitar uma solução definitiva para o problema.

Segundo a Caern, ao realizar escavação, a equipe constatou a necessidade de secar completamente a rede para continuar o serviço que estava sendo feito em segurança. Somente com a área seca será possível continuar o conserto na tubulação de grande diâmetro. A previsão para conclusão do serviço é nesta sexta-feira (5), no final da tarde. Após a retomada do sistema, será necessário aguardar um prazo de até 72h para a completa recuperação do abastecimento.

“Essa situação vem se repetindo há vários anos em Macau e Guamaré e tem motivado uma grande luta da nossa parte na busca por uma solução. Esses problemas têm sido recorrentes, fruto da adutora que foi inaugurada na década de 70 e que precisa passar por uma permanente manutenção”, disse Ezequiel. O parlamentar lembra ainda que a Caern já possui projetos para outros equipamentos que poderão substituir a adutora.

O presidente da Assembleia Legislativa espera que a Caern possa apresentar a real situação da adutora que abastece os dois municípios e que o debate para uma solução definitiva seja retomado. “Vamos trabalhar em conjunto para evitar transtornos mais graves a população, que já vem sofrendo bastante com a atual realidade e a total falta de segurança hídrica”, disse Ezequiel.

A atuação do deputado na busca por uma solução para o problema é antiga. Ezequiel Ferreira já esteve em audiências públicas na cidade de Macau, já articulou reuniões com o Governo do Estado e com a Caern e, agora, trabalha por uma posição definitiva.

 

Categorias
Matéria

Manutenção de poço deixa bairros de Mossoró sem água

Os bairros Abolição III, IV e V, Santa Delmira I e II, Pousada das Thermas, parte do Santo Antônio, Santa Julia e área do Quintas do Lago estão com abastecimento suspenso. A Caern está fazendo manutenção no poço 19, que apresentou problema mecânico no conjunto motobomba.
A previsão é religar o sistema na quarta-feira (27) até o meio-dia. Após o retorno do abastecimento são necessárias 48 horas para normalização. A Caern fará o reforço das áreas atendidas com a adutora Jerônimo Rosado.

Categorias
Matéria

SEADRU se reúne com Caern e apresenta demandas da zona rural de Mossoró

Pareceria entre a PMM e Caern pode ajudar desenvolvimento de comunidades rurais (Foto: Demis Roussos)

A Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural (SEADRU) apresentou uma série de demandas relacionadas à zona rural de Mossoró para a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN).

O Secretário municipal de Agricultura, Faviano Moreira informou que o encontro teve o objetivo de apresentar ao órgão estadual àquelas comunidades rurais que ficam próximas à rede de abastecimento da Caern.

“A reunião com a Caern foi com o objetivo de apresentar a companhia àquelas comunidades rurais que ficam próximas à rede de abastecimento da Caern, localidades essas a menos de dois quilômetros da rede”, disse o titular da SEADRU. As comunidades em questão são Passagem de Pedra, Sol Nascente, Puxa-Boi, Boa Fé, Jurema e Barrinha.

Faviano Moreira destacou ainda que pleiteou que o poço que é gerido pela Caern, mas que atende à penitenciária próximo à Barrinha, possa abastecê-lo. O secretário de Agricultura ressaltou ainda que a companhia avaliará o pleito da pasta municipal. “A Caern ficou de avaliar tecnicamente essa situação e nos passaria posteriormente a decisão”.

Por fim, Faviano Moreira enfatizou a importância de trabalho em conjunto com outros órgãos para o provimento da zona rural do município. “Essa parceria é importante no sentido de que muitas vezes os objetivos são os mesmos de prover o maior desenvolvimento rural com a questão da água. Essas comunidades rurais estão ficando mais próximas da rede de abastecimento e com essas parcerias as instituições podem unir forças para poder desenvolver uma ação mais efetiva usando racionalmente o recurso público de origem federal, estadual e municipal”.

Categorias
Matéria

Caern inicia campanha de negociação de débitos incentivando vacinação contra Covid-19. Saiba como participar

Caern uniu campanha para quitar dívidas e apelo à vacinação (Foto: Houssam Aghmir/Pexels)

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) inicia hoje (17) uma campanha de negociação de débitos, dedicada também ao incentivo à vacinação contra a Covid-19.  Clientes que tomaram doses da vacina terão direito a descontos especiais para saldar dívidas com a Companhia.

A campanha vai até o dia 10 de setembro, período em que os clientes que tomaram pelo menos a primeira dose da vacina podem negociar, mediante a concessão de incentivos, os débitos existentes em imóveis de utilização não pública, cadastrados nas categorias comercial, industrial e residencial. Serão contemplados débitos referentes a tarifas, multas e consumos acumulados atrasados de faturas anteriores ao mês de junho de 2021.

O pagamento do débito pode ser feito à vista. Nesse caso, será dado desconto total de juros de mora e das multas por atraso. O desconto será de 50% se o débito se relacionar a multas por infração ou consumos acumulados atrasados decorrentes da constatação de fraudes ou irregularidades.

PRAZOS – Os clientes podem também contar com as facilidades do parcelamento, que podem chegar a 48 meses caso o interessado tenha tomado as duas doses da vacina ou a dose única da Jansen. Para quem tomou apenas a primeira dose, o parcelamento máximo é de 36 meses. Nas duas situações, a entrada mínima é de 5% do valor do débito. Podem ser incluídos parcelamentos anteriores não quitados, mas, nesse caso, a entrada mínima é de 10%.

Os clientes que ainda não foram vacinados também não ficarão fora da campanha. Para essas situações, as condições são 30% do valor da dívida como entrada (incluindo juros e multa) e parcelamento em até 24 vezes.

Em todos os parcelamentos, é importante observar que o valor da parcela deve ser igual ou superior a 50% do valor médio da fatural do imóvel, não podendo, também, ser inferior ao valor correspondente à tarifa mínima de sua categoria.

Até mesmo nos casos em que a cobrança do débito esteja sendo feita pela via judicial, o consumidor ainda tem a chance de fazer a negociação. O débito pode ser parcelado em até 48 meses, respeitando-se as condições sobre os valores mínimos das parcelas.

Os clientes interessados podem fazer o parcelamento por vários canais. Através do Whatsapp (84) 98137-2343, na Agência Virtual em caern.com.br, no link parcelamento de dívidas, ou nos escritórios de atendimento, mediante agendamento prévio na Agência Virtual ou no endereço agendamento.caern.com.br.

Pelos canais de atendimento da Caern também é possível negociar as faturas com o cartão de crédito, sem entrada, com isenção de juros e multas, em até 24 vezes e com parcela mínima de R$ 5.

Categorias
Matéria

Caern reabre escritório do Alto de São Manoel

Caern reabre escritório no Alto de São Manoel (Foto: reprodução)

O escritório do Alto de São Manoel, na Rua Manoel Alves de Oliveira, volta a atender presencialmente com atendimento agendado nesta segunda-feira (2). O escritório tinha fechado para reforma no mês de julho. Para fazer agendamento é preciso entrar no site https://www.caern.com.br/#/agendamento e marcar dia e horário do comparecimento. Ao realizar o procedimento, o cliente pode escolher o escritório que quer ser atendido. Os agendamentos estarão disponíveis do horário das 8h às 13h, de segunda a sexta.

O escritório do Aeroporto volta a ter apenas atendimento virtual e deixa de receber clientes. É importante lembrar que a Caern possui diversos canais de atendimento virtual, não necessitando do deslocamento do cliente aos escritórios. É possível acessar o www.caern.com.br e ter uma série de serviços disponíveis na agência virtual. Assim como é possível baixar em lojas de aplicativo o Caern Mobile, para também acessar os serviços da Companhia. Outra alternativa é o atendimento por WhatsApp no 98137-2343. Uma quarta opção é o canal de atendimento telefônico gratuito 115.

Fonte: Secom/CAERN

Categorias
Matéria

Caern religa hoje (19) abastecimento de loteamentos do bairro Santa Júlia

Previsão para normalização do abastecimento nos loteamentos é de 48h (Foto: CAERN)

Quatro loteamentos do bairro Santa Júlia, em Mossoró, terão o abastecimento religado durante o dia de hoje (19). O abastecimento do Loteamento Royal Ville Residence iniciará até o final da tarde. Já o Jardins, Arizona e Isla Verde terão a água ligada no final da noite. A previsão, após religar, é de normalização em 48 horas.

A equipe da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) teve que fazer uma nova rede de água para atender o Loteamento Royal Ville Residence, Jardins, Arizona e Isla Verde. Isso porque a rede de água, que sai do poço 14, passava pela área que atualmente a prefeitura executa o canal do Santa Helena. Para prevenir possíveis quebras da rede com o andamento da obra, a Caern fez durante a semana passada uma nova rede para atender os conjuntos.

A previsão inicial da Caern era fazer o envio de água no final da noite do sábado (17), mas foi necessário implantar um novo registro de manobra e adotar outras medidas operacionais para garantir a chegada da água aos locais afetados.

Bairros de Mossoró estão em processo de normalização de abastecimento

Parte do Alto de São Manoel, Planalto 13 de Maio, Alameda dos Cajueiros, Monte Olimpo e parte do Inocoop do Alto, em Mossoró, estão em normalização de abastecimento.

No último sábado (17), o poço 24 que atende essas áreas teve uma parada e foi religado na madrugada do domingo (18). A previsão é que a regularização da chegada de água ocorra até a noite desta terça-feira (20). A adutora Jerônimo Rosado já está com envio de água normalizado, assim como o poço 26.

Categorias
Matéria

Mossoró terá redução de água durante religamento de adutora amanhã (15)

CAERN conclui manutenção em adutora amanhã (15) (Foto: Assessoria/Governo do RN)

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está realizando manutenção na adutora Jerônimo Rosado, que é responsável por parte do abastecimento de Mossoró.

A previsão é que a adutora seja religada durante a manhã desta quinta-feira (15). São necessárias 48 horas para normalizar o abastecimento.

Os bairros mais afetados pela parada são: Alto de São Manoel, Ilha de Santa Luzia, Planalto 13 de maio, Liberdade I e II, Bom Jardim, Paredões, Barrocas, Centro, Santa Delmira, Nova Betânia, Abolição III e IV.

Categorias
Matéria

Assembleia aprova criação das microrregiões de águas e esgotos no RN

Aprovação de projeto foi viabilizada através de acordo (Fotomontagem: ALRN)

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou durante sessão plenária desta quarta-feira (14) o Projeto de Lei Complementar 09/2021, de autoria do Governo do Estado, que institui as microrregiões de águas e esgotos da Central-Oeste e do Litoral-Seridó e suas respectivas estruturas de governança, no âmbito do RN. A matéria foi aprovada por unanimidade.

“Este projeto é fruto do consenso e do acordo feito entre a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn) e Governo do Estado com a colaboração da Assembleia Legislativa. Esta Casa tem se pautado na conduta pelo diálogo e, por isso, aceitamos retirar de pauta a proposta com o compromisso de só colocar em votação quando houvesse entendimento, como agora. Ganha o RN e os municípios potiguares”, disse o presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

O líder do Governo na Assembleia, deputado estadual Francisco do PT, ressaltou que o Governo chegou a entendimento com a Femurn e que solicitou a retirada de uma emenda inserida na matéria durante tramitação na Comissão de Constituição e Justiça. Além disso, chegou-se ao consenso para aprovação de outras duas emendas apresentadas em plenário pelo relator do projeto, deputado Hermano Morais (PSB).

Em seu pronunciamento, o deputado Kelps Lima (SDD) enfatizou que a emenda rejeitada permitia não apenas a privatização da Caern como chegou a ser mais ampla. Segundo o parlamentar, previa a criação de cargos e isenção de taxas, itens que foram rejeitados ainda pelo relator.

Além da retirada deste item que os deputados de oposição consideraram uma permissão para a privatização da Caern, as emendas alteraram a composição dos colegiados criados – que agora terão seus votos divididos em 65% para municípios e 35% para o Estado – e a questão da mudança de outorga.

O relator da matéria destacou que a proposta precisava ser votada em respeito ao novo marco legal, que obriga todos os estados do país a dividir suas microrregiões. “Realizamos audiências públicas, recebemos sugestões de emendas e chegamos a este entendimento. Importante parabenizar o presidente Ezequiel Ferreira por dar tempo para Governo e Femurn chegar a acordo”, disse.

Para Gustavo Carvalho (PSDB), o projeto discutido na Assembleia representava “o início da privatização da Caern”. O deputado Coronel Azevedo (PSC) citou que a governadora Fátima Bezerra (PT) tinha posição contrária a pauta durante a campanha eleitoral. A líder do PT na Casa, deputada estadual Isolda Dantas, chegou a chamar de “fake News” a notícia de que o texto em análise anteriormente permitiria a privatização da Caern. Também se pronunciaram sobre a matéria os deputados Nelter Queiroz (MDB), José Dias (PSDB), Tomba Farias (PSDB) e George Soares (PL).

Categorias
Matéria

Regionalização das águas no RN precisa ser votada até o dia 15 ou definição passa para a ser do Governo Federal

Caern afirma que PL é fundamental para adequação do sistema de águas do estado (Foto: Internet)

Os deputados do Rio Grande do Norte têm até a próxima quinta-feira (15) para aprovar ou não o Projeto de Lei que regula as Microrregiões de Águas e Esgotos do Estado. A data é limite para a definição e, caso não seja feita até lá, passa a ser de responsabilidade do Governo Federal a determinação sobre as microrregiões.

O projeto, formulado pelo Governo do Estado, visa adequar a regionalização da Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) ao novo Marco Legal do Saneamento, definido pela Lei 14.026/2020.  Na proposta do Governo estadual são definidas duas microrregiões no Rio Grande do Norte: Central-Oeste e do Litoral-Seridó.

Os deputados chegaram a discutir o processo de regionalização e colocaram o projeto de lei em pauta para votação no dia 8 de julho, mas por falta de entendimento dos parlamentares acabou sendo retirado da ordem do dia.

O Presidente da Caern, Roberto Linhares, destacou, em entrevista à Agência Saiba Mais, a importância da aprovação das microrregiões a partir da perspectiva do Governo do Estado, uma vez que já há todo um conhecimento sobre as particularidades das regiões e das demandas de cada município.

“É uma exigência do novo Marco Legal do Saneamento e se não for feita pelo Governo do Estado, que é quem melhor conhece a realidade local, será feita pelo Governo Federal, que não a conhece”, argumenta Roberto Linhares.

Uma das polêmicas sobre o projeto seria sobre a suposta abertura que ele daria para o processo de privatização da Caern. Setores da imprensa também noticiaram que a regulação abria o precedente para a terceirização e a eventual privatização da empresa.

Por meio de nota, a Caern desmentiu a possibilidade de privatização e reforçou que a regionalização das águas no Estado fortalece o caráter público da empresa e dificulta seu processo de venda.

“A Caern esclarece que o parágrafo 4⁰ do artigo 13, do PL das microrregiões, impede a privatização da Caern. Vê-se claramente que ocorrerá um fortalecimento da Companhia como empresa pública, já que para haver a alienação de ações que abram o capital da empresa há que se aprovar Lei Complementar específica“, diz a nota da estatal.

A Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento (Aesbe) publicou uma Nota Técnica sobre o processo de regionalização no Rio Grande do Norte.

No documento a Aesbe destaca o cumprimento da Lei nº 14.026, novo Marco Legal do Saneamento e o prazo para atendimento para atendimento da regionalização pelo próprio Estado. Observando que o não atendimento desta exigência faculta ao Governo Federal a criação das microrregiões.

 Confira a nota na íntegra clicando AQUI

Categorias
Matéria

Caern inicia campanha de renegociação de débitos na terça-feira

(Foto: divulgação)

A Caern vai abrir mais um período de negociação de débitos em atraso para que os clientes que estão com contas em aberto possam regularizar a situação. O prazo começa na próxima terça-feira (11) e vai até o dia 15 de junho. A campanha de negociação abrange todas as faturas não quitadas com vencimento anterior a março de 2021.

As condições de negociação incluem a possibilidade de parcelar a dívida em até 36 meses, com entrada de 10% do valor total. Também haverá a dispensa de juros e multa. Segundo o superintendente Comercial da companhia, Giordano Filgueira, as faturas de abril podem ser incluídas no parcelamento, mas nesse caso não há a dispensa dos juros e multa.

O interessado pode negociar sua dívida até mesmo nos casos em que tenha um parcelamento anterior. Nesse novo acordo, o percentual do valor de entrada é de 20% do total.

Os clientes interessados podem fazer o parcelamento por vários canais. Ele pode fazer pelo Whatsapp (84) 98137-2343, na Agência Virtual (http://caern.com.br), através do link parcelamento de dívidas, ou nos escritórios de atendimento, mediante agendamento prévio na Agência Virtual ou no endereço http://agendamento.caern.com.br.

Também é possível negociar as faturas com o cartão de crédito, sem entrada, com isenção de juros e multas, em até 12 vezes e com parcela mínima de R$ 5. A forma de negociação é a mesma da outra modalidade.