Clima segue pesado entre Sandra e Rosalba

Sandra e Rosalba em clima tenso (Foto: arquivo)

A vereadora Sandra Rosado (PSDB) engasgou o trago ao fumar o cachimbo da paz com a prefeita Rosalba Ciarlini (PP). Ela ainda não engoliu ter ser grupo preterido mais uma vez da chapa majoritária.

A tensão vendo se exposta por Sandra em conversas nada reservadas. “Rosalba está muito mal na Zona Rural”, é um mantra dela nas conversas que participa.

O rosalbismo tem monitorado o comportamento da aliada e tem trunfos para retaliar se ela seguir com a postura inconveniente.

Compartilhe:

TRE-RN emite nota sobre aglomerações em movimentações políticas

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) emitiu nota se posicionando sobre as aglomerações que marcaram o primeiro dia de campanha pelo interior do Estado.

NOTA À IMPRENSA

A respeito das imagens de registros de aglomerações em atos da campanha eleitoral em municípios potiguares, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) esclarece que:

  1. Conforme reconhece o Supremo Tribunal Federal, os Poderes Executivos estadual e municipal têm autonomia e dever de definir, e principalmente, de fiscalizar, o cumprimento das regras sanitárias estabelecidas por cada ente;
  2. A Justiça Eleitoral está dando sua contribuição, a título de recomendação, ao apresentar à sociedade o Plano de Segurança Sanitária para as Eleições Municipais de 2020, cujo objetivo é definir as medidas de proteção à saúde pública a serem implementadas durante a campanha eleitoral e as eleições municipais de novembro, no contexto da pandemia da COVID-19, e está à disposição para consulta pública no portal do TSE;
  3. No último sábado (26), véspera da largada da campanha eleitoral, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, fez pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão em que reforçou as recomendações da Justiça Eleitoral para o período de campanha.

Apesar de o dever de fiscalizar as infrações de biossegurança – nas regras atualmente em vigor –  não ser da Justiça Eleitoral, o TRE-RN reforça as recomendações mencionadas e expressa preocupação e profunda consternação com as imagens divulgadas, orientando candidatos e partidos políticos para que se adequem às normas sanitárias, e solicitando ao Poder Executivo que tome as medidas cabíveis e de sua competência no que se refere à fiscalização do cumprimento de tais normas.

Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN)

Compartilhe:

Candidato que quiser associar sua imagem a Styvenson terá que pedir autorização por escrito

Styvenson fará análise sobre perfil dos candidatos (Foto: reprodução/Redes Sociais)

O recado aos 13 candidatos a vereador em Mossoró pelo Podemos chegou e é claro: quem quiser associar sua imagem à do senador Styvenson Valentim (PODE) terá que fazer um requerimento por escrito.

A partir do pedido formal o senador fará uma avaliação para deferir ou não o pedido.

Styvenson Valentim vem pautando a sua atuação política pelo discurso moralista e de combate à corrupção.

Compartilhe:

Confira o tempo de TV dos candidatos a prefeito de Mossoró

Blog do Barreto e Diário Político

Está definido o tempo de rádio e TV dos candidatos a prefeito de Mossoró. O maior tempo será da candidata a reeleição Rosalba Ciarlini (PP) com três minutos cinquenta e sete segundos e 37 centésimos.

Amanhã as coordenações dos candidatos e as emissoras de rádio e TV se reúnem com a Justiça Eleitoral para definir quais serão os canais geradores do Horário Eleitoral em Mossoró. Muito provalmente o trabalho ficará a cargo da 105 FM e Intertv Costa Branca.

O tempo de rádio e TV é distribuído 10% igualitariamente para todos os candidatos e 90% com base no número de representantes que os partidos tenham na Câmara Federal. PT, PSL e PP possuem os maiores tempos de TV. Já PMN, PTC, DC, Rede, PCB, PCO, PMB, PRTB, PSTU e UP não terão direito a tempo de TV.

A propaganda eleitoral terá duração de 10 minutos e começa no próximo dia 9 de outubro nos seguintes horários:

Rádio: das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10.

TV: das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Compartilhe:

Confusão no Podemos dificulta pedidos de registro de candidatura

O partido Podemos segue em crise em Mossoró. Além de ter se retirado da disputa majoritária, a legenda por muito pouco não fica sem candidatos a vereador em Mossoró.

Somente ontem os 13 postulantes a uma vaga na Câmara Municipal pelo partido fizeram as solicitações de registro de candidatura. É que o comando municipal do Podemos não fez o registro coletivo.

A lei permite registros individuais dos candidatos até 48 horas após o prazo que se encerrou no sábado.

Depois da confusão que resultou na retirada da candidatura de Bianca Negreiros a prefeita de Mossoró o Podemos implodiu em Mossoró e está sem comando no diretório municipal, fato que prejudicou o pedido de registro coletivo como fizeram os demais partidos.

Compartilhe:

Confira como foram as primeiras atividades de campanha dos candidatos a prefeito de Mossoró

Começou a disputa eleitoral com o maior número de candidatos a prefeito já vista em Mossoró. São seis nomes na disputa pela cadeira mais confortável do Palácio da Resistência.

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) cumpriu a primeira agenda de campanha vistitando o Clube de Tiro de Mossoró, depois foi ao Bairro Barrocas onde participou do lançamento da candidatura a reeleição da vereadora Aline Couto (PSDB). Depois foi ao Boa Vista participar de eventos dos candidatos a vereador “Marrom” (DC) “Gera Fogo” (PSC) e Naldo Feitosa (PSC). Ela também esteve nos lançamentos das candidaturas dos vereadores Zé Peixeiro e Ricardo de Dodoca, ambos do PP.

“Nós estamos diante de uma campanha diferente, que não teremos as movimentações tradicionais como passeatas, comícios, mas continuamos fazendo esse trabalho de visitas, de conversas. Temos muito a mostrar, Mossoró está no rumo certo, de recuperação econômica, retomada do desenvolvimento e investimento em obras. Conseguimos reestruturar as contas e conseguimos aprovar o projeto do Finisa, que ainda temos muito a investir em infraestrutura, recuperação de equipamentos, ruas e obras estruturantes. Vamos dar início a esse trabalho nas ruas da cidade, conversando, dialogando, mas com muita responsabilidade”, disse.

A candidata Isolda Dantas (PT) iniciou a luta para chegar ao Palácio da Resistência com caminhada pelo Nova Vida, em seguida teve um adesivaço no Comitê de Campanha e no final da tarde um ato em homenagem aos mossoroenses vítimas da covid-19.

“Cuidar das pessoas é elas chegarem nas unidades de saúde e ter médicos e após a consulta sair com os medicamentos. Na nossa campanha vamos respeitar o medo das pessoas de pegar o coronavírus. É nossa obrigação respeitar a dor de quem perdeu os entes queridos. Vamos fazer uma campanha de braços abertos, por todos e por você”, declarou.

Já o candidato Allyson Bezerra (SD) começou as atividades de campanha pelo Mercado do Alto da Conceição. À tarde ele esteve nas comunidades rurais Sítio Chafariz, Assentamento Lorena, Santana, Olho D’Água e Maísa.

“Apresentamos a população os nossos projetos para mudar Mossoró. Cada abraço e apoio que recebemos nas ruas por onde passamos é motivação para seguirmos nossa caminhada em busca de uma cidade para todas as famílias”, comentou.

A ex-prefeita Cláudia Regina (DEM) fez os primeiros ato de campanha na Cobal e a feira do Vuco-vuco. Ela ainda realizou um adesivaço pelo Centro da cidade.

“Está dada a largada! Começamos oficialmente hoje a caminhada pela mudança que Mossoró quer e precisa. A gente só faz campanha na rua, conversando com as pessoas, ouvindo as pessoas. Mossoró conhece a forma de Cláudia Regina trabalhar, porque venho aqui, onde sei que o problema existe, para construir junto com todos a melhor solução para quem está aqui, todo dia, cedinho, na busca pelo sustento da família”, afirmou.

Ronaldo Garcia do PSOL iniciou a campanha inaugurando a “Casa 50” na Rua Mestre Canuto no Alto de São Manoel.

“A expectativa é muito boa apesar da pandemia. As eleições serão bastante atípicas. Vamos apresentar uma proposta do PSOL que será robusta e em defesa da classe trabalhadora”, frisou.

A candidata Irmã Ceição realizou atividades internas de campanha.

Compartilhe:

MP Eleitoral entra com pedido de rejeição ao registro de candidatura de Cláudia Regina

Cláudia tem candidatura questionada pelo MP Eleitoral (Foto: reprodução/Blog do Barreto)

O Ministério Público Eleitoral entrou com Ação de Impugnação de Registro de Candidatura (AIRC) contra a ex-prefeita Cláudia Regina (DEM) por considerar que ela ainda está inelegível até 7 de outubro.

A ação é assinada pelo promotor eleitoral Lúcio Romero Marinho.

O MP Eleitoral alega que embora o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao responder consulta do deputado Célio Studart (PV/CE) tenha informado que os vereadores e prefeitos cassados nas eleições 2012 não teriam a inelegibilidade estendida de 7 de outubro para 15 de novembro, Cláudia estava inelegível ao pedir o registro da candidatura.

“No caso da impugnada, o termo final de sua inelegibilidade ainda não se esgotou, tendo em vista que a data das eleições do ano de 2012 (7 de outubro), e, o momento de informar a Justiça Eleitoral as suas condições de registrabilidade (condições de elegibilidade e não incidência das causas de inelegibilidade), é no momento do protocolo do Requerimento do Registro de Candidatura (RRC), que no caso, ainda não se expirou”, alegou.

Para o MP Eleitoral é necessário estar com todas as condições de elegibilidade no ato do pedido do registro de candidatura.

“As condições de elegibilidade e as causas de inelegibilidade devem ser aferidas no momento da formalização do pedido de registro da candidatura, ressalvadas as alterações, fáticas ou jurídicas, supervenientes ao registro que afastem a inelegibilidade”, alegou.

O caso será analisado pela 34ª Zona Eleitoral, responsável pelos registros de candidaturas.

OUTRO LADO

Por meio de nota Cláudia Regina se manifestou dizendo-se surpresa com a ação:

É com surpresa que a coligação “Juntos por Mossoró” recebe a notícia de que o Ministério Público Eleitoral – MPE entrou com ação pedindo impugnação de registro de candidatura da democrata Cláudia Regina alegando “suspensão dos direitos políticos”, coincidentemente, à véspera do primeiro dia de campanha eleitoral.

A decisão julgada no dia primeiro de setembro de 2020 pelo Tribunal Superior Eleitoral – TSE autoriza a candidatura de Cláudia Regina. Neste sentido, a candidata manifesta seu respeito à atuação do Ministério Público, órgão de extrema importância para o exercício da democracia, ao passo que reitera sua plena confiança no exercício da Justiça e no transcurso propositivo da campanha eleitoral à Prefeitura de Mossoró.

Confira a AIRC contra Cláudia Regina

Compartilhe:

Partido tem quase 50 candidatos a prefeito e mais de 700 a vereador

PL terá 47 candidatos a prefeito (Foto: cedida)

O Partido Liberal (PL) no Rio Grande do Norte homologou 47 candidatos a prefeito, sendo 14 mulheres e 33 homens. São 41 candidatos a vice-prefeito, sendo 12 mulheres e 29 homens. O PL também contabiliza 704 postulantes a vereador em todo o Estado.

Para o presidente estadual do PL e deputado federal João Maia, o partido sempre faz escolhas democráticas e saiu fortalecido das convenções. “Realizamos convenções partidárias significativas e o resultado está na expressividade do número de pré-candidatos, sempre pensando em propostas de desenvolvimento, geração de emprego e renda, que é a especialidade do PL. Nossa prioridade é cuidar das pessoas. Vale ressaltar a importância dos deputados estaduais do partido e do PL Mulher nesse processo de fortalecimento do PL no RN”, declarou.

Dos 167 municípios potiguares, 47 candidatos a prefeito irão concorrer ao cargo no pleito que será realizado no dia 15 de novembro próximo.

Compartilhe:

Candidato desaparecido é encontrado

Venâncio estava em Pereiro no Ceará (Foto: cedida)

O candidato a prefeito de Antonio Martins João Venâncio (PT) foi encontrado na cidade de Pereiro no Ceará. Ele passa bem como a foto acima demonstra.

João desapareceu na quinta-feira quando se deslocava para Pau dos Ferros para fazer o registro de candidatura.

Ele prestou depoimento e contou que foi vítima de um sequestro.

Compartilhe: